Patrimônio maior que R$ 300 mil

Patrimônio maior que R$ 300 mil

Home » Imposto de Renda » Patrimônio maior que R$ 300 mil

12.03.2018 | Por:

Patrimônio maior que R$ 300 mil

Os contribuintes que possuam bens de soma maior que R$ 300 mil, mesmo que as posses estejam fora do Brasil está obrigada a declaração do imposto de renda.

E, caso o contribuinte se enquadre em outro critério de obrigatoriedade, é importante que os direitos de recebimento de valores futuros, bens móveis e imóveis, sejam inseridos na declaração, mesmo que o somatório não atinja o valor.

Devem entrar na declaração de bens e direitos imóveis como apartamentos, lotes, terrenos e casas; obras de arte; veículos como carros, motos, aeronaves e embarcações; joias e relógios; investimentos e aplicações de qualquer modalidade; saldo bancário seja de conta corrente ou poupança e dinheiro em espécie.

Voltar

12.03.2018 |

Declaração de Gastos com Saúde

Essa é uma questão que deve ser tratada com bastante cautela, afinal o maior índice de contribuintes que “cai” na malha fina é devido aos gastos com saúde, pois, não há limites para a dedução de gastos com saúde no IR, mas, para que essas despesas possam reduzir o saldo a pagar ou gerar o imposto a restituir, os gastos devem ser comprovados.

Saiba mais

12.03.2018 |

Declaração de Gastos e Rendimentos

Reúna todos os documentos que detalham esses pagamentos lembrando que deve- se certificar de que eles contêm o nome e o CNPJ da instituição de ensino.

Saiba mais

12.03.2018 |

Declaração de MEI – Micro Empreendedor Individual

Caso o contribuinte empresário de uma MEI se enquadrar em uma das condições de obrigatoriedade determinadas pela Receita Federal para a entrega do Imposto de Renda, ele precisará prestar contas ao fisco e incluir na declaração os rendimentos recebidos por MEI.

Saiba mais